segunda-feira, 17 de novembro de 2014

o desfralde - 3º ato

Notícias do desfralde... 

Como comentei no post anterior, no sábado iniciamos o desfralde. Quer dizer, na sexta mesmo Nina voltou da escola e já tirei a fralda... deixei sem. Tomou banho, colocou calcinha e ficou sem fralda até dormir. Só coloquei a fralda quando estava ferrada no sono.
Algumas estratégias adotadas durante esses dois dias:
- ficar em casa, só saindo para locais próximos, como supermercados e locais com banheiro fácil
- levar ao banheiro de 20 em 20 minutos, mesmo sem vontade alguma
- oferecemos o vaso e o penico e deixamos os dois à disposição, embora no vaso ela precisasse da nossa ajuda
- iniciamos no vaso, pois ela escolheu e se sentiu mais segura. Depois ela começou a usar o peniquinho também
- diminuir um pouco os líquidos
- achar o máximo quando ela fazia xixi ou cocô no vaso ou penico
- conversar muito cada vez que dava escape e mostrar que ficávamos muito mais felizes quando ela fazia direitinho no banheiro
- conversar, conversar e conversar... Praticamente um final de semana de clausura, paciência e disposição
Tá, e aí vocês vão perguntar: e como foram esses dois dias?
E eu respondo com muita sinceridade: não achei difícil.
Primeiro porque respeitamos o tempo dela para desfraldar. E eu acho que isso é a chave do sucesso do desfralde. Não adianta querer desfraldar seu filho se ele não está pronto, preparado. e a escola ajudou muito nisso.
Segundo porque me propus mesmo a desfraldar. Por mais que às vezes dá vontade de enfiar a fralda de volta e deixar por mais um tempo, pensei: se eu não fizer agora, vou ter que fazer em algum momento. Não adianta! Parar será obrigatório quando a decisão for tomada.
Terceiro porque é libertador sair sem aquele monte de sacola com fralda, pomada, lenço... Se bem que lenço eu ainda levo e tem que levar algumas mudinhas de roupa junto. Mas tudo por precaução mesmo.
Quarto porque já sabemos o horário de ela fazer cocô. E cocô ela avisa que quer fazer! J

E qual o saldo do final de semana?
No sábado Nina teve 3 escapes. Porque ela não pede ainda pra ir ao banheiro. Ela não avisa que tem vontade de fazer xixi ou cocô. Por isso temos que perguntar a cada 20, 30 minutos se ela quer ir ao banheiro. E ela quer. E ela faz. O primeiro escape foi de manhã, logo depois que ela acordou e fez o primeiro xixi no vaso. O segundo foi no meio da sala, enquanto eu estava fazendo o almoço e ela estava brincando. Como ninguém perguntou se ela queria ir ao banheiro, escapou ali mesmo. O terceiro quando fomos na obra. E aí ela ficou molhada lá. Levei roupa mas não troquei. E como não tem banheiro lá, ela não queria fazer xixi agachada...
No domingo, foram 2 escapes. O primeiro, de novo, pela manhã, logo depois de acordar e fazer xixi no peniquinho. E o segundo foi à noite, jantando. Eu recém havia perguntado se ela queria fazer xixi e ela disse que não. Não deu 2 minutos e ela levantou da cadeira e avisou que tinha feito xixi... L

Percebi que quando ela acorda, ela não faz todo xixi de uma vez. Faz em prestações. Então, como teve escape no sábado e domingo, logo cedo, hoje quando levantamos e antes de sair para a escola, levei ela 3 vezes no banheiro e ela fez 3 xixis. Pouquinho, mas fez.

E em todos os escapes me mostrei um pouco triste e enquanto trocava a roupinha dela, conversava... ela percebia minha tristeza e me dava beijo, abraço, fazia carinho... Uma figura. Dava vontade de rir. E eu falava que ela tinha que pedir pra ir ao banheiro, que ela já era grande. Ainda perguntei: você quer usar fralda de novo? (nem sei se fiz certo em perguntar isso... mas vai que ela quisesse mesmo!) E ela respondeu na hora: Não, não quéio falda!

Em TODAS as vezes que levava ela no banheiro, seja no vaso ou penico, e ela fazia xixi ou cocô, eu é que a abraçava, dava beijo, fazia carinho dava parabéns, elogiava. E era visível a felicidade dela.

Pela manhã, quando ela acorda, já a levo para o banheiro e, antes que ela faça na fralda, já tiro logo para ela fazer no peniquinho.
E, nos dois dias, ela fez cocô bem direitinho. No sábado no vaso; e no domingo, metade no penico e metade no vaso...
Aliás, ela ainda não definiu bem se faz no vaso ou penico. Como ela está agora mais acostumada, ela já chega mais no penico, consegue baixar a calça/calcinha e sentar e fazer.
Outra coisa importante: colocar roupas fáceis de tirar. Deixar só de calcinha/cueca... facilita muito a vida deles e a nossa.

Hoje ela foi pra escola sem fralda. E as professoras estão ajudando...
Liguei duas vezes já #aloca... e ela não teve nenhum escape! E está pedindo pra fazer xixi!
É uma queridona linda!
Fralda agora, só pra dormir. 

E vamos em frente!


passeando num sábado ensolarado...
E sem fralda!!!

2 comentários:

  1. Oi, Bibi, Nina está crescendo e já já com muita paciência vc vai ver a Nina sem fralda. Eu lembro que o meu 1º filho, não usava fralda, mas até aos 04 anos fazia xixi na cama e as vezes duas na mesma noite. E foi muita luta, eu levantava ele duas e as vezes até 03 para levá-lo ao peniquinho para ele não fazer xixi na cama. Até que deixou. Já a menina deixou de fazer xixi à noite na cama aos 10 meses, amanhecia enxuta. e durante o dia ia para o peniquinho, já que via o irmãozinho indo. Enquanto ele no tempo dele demorou assentar em um peniquinho acho que com quase dois anos. Eu só tive um casal de filhos e a diferença de um para o outro foi de 1 ano e seis meses. Desejo sucesso, vejo que vc está fazendo com paciência e com prazer. Bom assim, daqui a pouco vc só vai contar história assim como eu. Meus filhos já tem mais de 30 anos e eu ainda tenho saudades desses tempo qd eles dependiam totalmente de mim. Bjs lindona.

    ResponderExcluir
  2. Linda aprendendo certinho é com muita conversa e calma mesmo ótimo post e dicas vou usar com o Anthony no desfralde bjs!!

    ResponderExcluir

Nós AMAMOS quando você comenta!!