quarta-feira, 29 de janeiro de 2014

a hora certa!

Marina está numa idade daquelas boas.  Está com certa independência, tenta imitar o que fazemos, começa a compreender (quando quer) o que explicamos e atende nossos pedidos, como não derrubar suco no chão, levar a fralda suja no lixo, tomar banho, tirar a roupa, entre várias outras coisas. Dorme bem, come bem, brinca sozinha (veja foto abaixo...). É carinhosa, querida. Uma florzinha!

Fazendo bagunça na cozinha!

E aí me pergunto: será que está na hora de dar um irmão pra ela? Ou irmã, claro!
Será que eu vou aguentar o tranco? Será que vou dar conta de duas crianças? Será consigo passar por todo aquele primeiro ano de novo? E olha, Nina sempre foi um bebê super comportado, não deu trabalho algum...  e acho que é bem por isso: medo de não ser igual com o segundinho.
Será que tem uma mãe (ou até mesmo pai) de dois aí pra ajudar? Ou alguém que está passando por isso? Ou então uma mãe (ou pai) que já decidiu ter o segundo?
Será que só eu que sou fraca assim? Que tenho medo de encarar uma jornada dupla? Ou, que não tenho coragem? Será que não está na hora ainda??? Será? Será? Será?

Help me girls!!!!

11 comentários:

  1. Olha... se você tem condições financeiras, Pq não?
    Pense que será um(a) grande amigo(a) para a Nina!
    No começo é sempre mais difícil, pois é novidade... se você decidir ter outro, até ele nascer, vc terá se preparado, a nina estará ainda mais independente!
    Eu queria ter outro agora, pena que a situação não permite :\
    rsrsrs

    Beijão
    Diariodematernidade.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Ahhh, procura no Youtube: Bruna Galdeano... ela tem a Bibi de 3 aninhos e o Miguel de 6 meses... ela faz videos contando como é... confere lá!

    ResponderExcluir
  3. Que linda vc, Marina.. Não me canso e sempre sou repetitivo rs. mas a culpa é sua, menininha rs. Eu tneho muito medo do segundo... Nãopor medo, mas porque gestar é algo olimipco, o pai tb gesta... Ando com muito medo demeus antigos medos: o do mundo caotico, caos ambiental... mas ate la, eu vou curtindo a minha filhta e vc a sua :) bjs

    ResponderExcluir
  4. Olha, Bibi, não há resposta certa para esta pergunta....

    Não tem mesmo....

    Como sabe, estou grávida de 6 semanas, super tentado e desejado, foi uma alegria sem fim saber que estou grávida, mas.... é claro que eu penso na vida de RN, nas privações e dores de ser mãe de um bebê, fico um pouco desanimada, mas.... eu foco no principal: Laura precisa de um irmão. Irmãos são o melhor presente que os pais podem dar a um filho. Eu não passaria a vida só com a laura, mesmo que tivesse que adotar outra criança, pq ela merece a alegria de dividir a vida com alguém, dividir a casa, o quarto, a rotina, as broncas.... E isso vai muito além da vida de RN, das privações de mãe de bebê, das dificuldades de ter uma filha mais velha e um mais novo..... muito além. Muito.
    E assim me mantenho muito firme e positiva nesta questão: estou muito feliz de poder ter outro filho e dar essa alegria à Laura.

    Vc leu o texto que pus no blog ontem, da reação da Laura? Ela está amando.... é lindo de se ver....

    Beijos grandes!!!

    ResponderExcluir
  5. Amiga se já apareceu essa possibilidade é porque já tem um desejo aí no fudinho do coração! kkk
    Vai fundo!

    Mil bjus!

    ResponderExcluir
  6. Bibi querida, apesar de parando pouco pra escrever, vc sabe que sempre leio, né? (é que escrever nos blogs pelo celular é TÃO ruim... snif!)
    Bom, não se sinta só quanto ao medo de encarar o segundinho... Eu confesso que sinto um aperto no peito ao pensar que não darei um irmão pro Felipe, mas a rotina aqui é tão dura, tão corrida e tão pesada que tenho certeza que não vou aguentar!!! E hoje priorizo ser DELE o pouco tempo livre que tenho, com essa vida louca de mãe que trabalha fora.
    De qualquer forma, siga seu coração que ele te guiará! E acredite que, seja qual for a decisão, será tomada pensando sempre no bem estar dos nossos maiores tesouros!
    Se quiser conversar mais sobre o assunto me chama no Face! Ando bem reflexiva quanto a isso tb! rs...
    Beijocas,

    http://nossomundocomfelipe.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. Amiga, como já foi dito a cima, se brotou essa pergunta é porque há um desejo lá no fundo, né?

    Só digo uma coisa: Nao pensa muito nao, se nao desiste! kkkkkk
    Vai fundo! Tenta!

    Aqui vai demorar um poucão ainda, porque eu nao me sinto preparada nem psicologicamente e muito menos financeiramente, rs.
    Vou torcer por vc! Bjs na Nina!

    ResponderExcluir
  8. Bibi, sei joga nas tentativas e dá logo esse irmão pra Marina! hehe

    Sei que falar é fácil, mas se tu já está pensando nessa possibilidade, porque não ser logo? Acho tão bom irmãos assim, com pouca diferença de idade. E a Marina parece ser uma menina tranquila, querida e receptiva, acho que aceitaria muito bem um irmãozinho e ia amar.

    E fora isso, concordo com tudo que a Dani falou ali em cima...tudinho, acho que é tão maravilhoso ter um irmão pra dividir a vida, todos os momentos, férias, viagens, amigos, festas! É válido.

    To aqui na torcida por um bebêzinho logo aí hehe

    Beijooos

    ResponderExcluir
  9. Oi Acabei de conhecer o seu cantinho e ver esse lindo rostinho. Marina uma gracinha, linda! Se deseja ter outro, melhor tempo é este, se a situação financeira dá! Tive meus filhos um perto do outro foi difícil por que eu trabalhava fora. Mas foi bom prá eles, porque faziam companhia um ao outro, brincavam juntos. Tive um casal, primeiro um menino depois uma menina que chegou qd o mais velho estava com um 01 ano e 06 meses. Mas não me arrependo. bjsss
    http://nalpontes2.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. vai com tudo, se tá em duvida é porque tem esse desejo, essa sementinha ai dentro! eu também não queria, mas agora quero sim, muito!

    Onde tem amor tudo se ajeita!

    Beijos amiga

    ResponderExcluir
  11. Eu queria outro , mas mudei de ideia. Acho que naoo tenho condiçoes psicológicas pra ter 2....rs
    O Kenjinho é uma bençao!Ser mae é maravilhoso, mas acho que vou parar nele...é muita responsabilidade, muita preocupacao. Depois que tive ele , comecei a ter medo de tudo...
    Meu marido fala:todo mundo consegue criar 2, 3 ...pq vc nao conseguiria?E eu respondo:os outros sao os outros!rs

    ResponderExcluir

Nós AMAMOS quando você comenta!!