sexta-feira, 21 de dezembro de 2012

adaptação na escola - 5º e último dia

E hoje foi o último dia de adaptação da Nina na escolinha.
São Pedro resolveu nos testar de verdade! Mandou um toró d'água logo cedo e tivemos que sair de guarda-chuva. Mas deu tudo certo. Mamãe cuidou pra Marina ficar sequinha, sequinha.
Chegamos na escola as 8:15. Eu não sei se sou uma mãe sem noção de temperatura, mas quando acordei abri a janela e coloquei o braço pra fora. Senti um friozinho. A temperatura estava em 21 graus. Então coloquei meia, uma calça e uma blusinha de manga comprida. Bem leves, claro. E mandei uma muda de roupa de calor e outra de menos calor. Quando cheguei lá vi as outras crianças de braço e perna de fora. Fiquei com vergonha! Mas falei pra prô que se ela sentisse calor, para trocar. A prô disse que elas monitoram e se necesário, trocam.
#eusouamãequetemmedodequeafilhapassefrio. Já percebi isso! rsrsrsrs
Ao meio dia eu liguei na escola pra saber como a Marina estava e que horas ela tinha almoçado, já que ontem ela almoçou tarde e quando cheguei lá para dar o mamá, ela não estava com fome e não quis mamar.
Então, eu havia combinado para que elas a colocassem pra dormir antes do almoço (10:30) porque daí ela acordaria e almoçaria na hora certa. E hoje ela almoçou certinho.
Às 13 horas eu fui pra lá e ela mamou, mamou e mamou. Gente! Que delícia! Que alívio. Mamou tanto que dormiu.  Mamou no barulho. Já está acostumada com o tumulto.
E aí... bom, aí a mamãe aqui não queria mais largar ela. Bem querida, de barriguinha cheia e dormindo no meu colo! Que dó de deixar. E aí??? E aí que eu chorei! Pronto, chorei gente! Desceram as lágrimas da culpa, da saudade, da dor! De tudo! E me mandei de lá pra não dar na vista o chororô. Saí e fui passear no shopping. Em casa, sozinha, é pior!
Aí passou!
As profes ligaram eram umas 17:20 avisando que ela tava com uma colicazinha. E não quis jantar. Fomos buscá-la e ela já estava bem, toda sorridente!
Último dia da adaptação e foi tudo relativamente bom!
E se for sempre assim, não precisarei dar mamadeira. Vou conseguir dar o peito.
Sei que não será sempre assim, mas vamos indo até que dá! Quando não der mais, a gente vai para o plano B (ou M de mamadeira)!
Dia 26/12 é pra valer! Mamãe volta pro batente e bebê vai pra escola!
É a vida!!!

Beijos a todas e um Feliz Natal!

quinta-feira, 20 de dezembro de 2012

adaptação na escola - 3º e 4º dias + consulta

Continuando com o assunto"adaptação na escola", ontem e hoje Marina ficou mais horas e refeições com os coleguinhas.
Ontem ela chegou às 8:15 e comeu maçã de lanche e sopinha de almoço. O lanche foi às 8:30 e o almoço, às 10:30. A profe a elogiou dizendo que ela queria mais sopinha, e estava com sono. Ela lutava pra não dormir e para comer a sopa! Minha fofíssima!
Às 12:30 é a hora do mamá. Cheguei um pouco depois porque sei que a Nina só toma peito se estiver com muita fome. Então às 13 horas ela mamou. Não foi a mamada dos sonhos, mas ela esvaziou a "teta", do jeito rápido dela de sugar. E deve ter alimentado, porque ela ficou até às 15:30 sem comer.
Depois da mamada das 13 horas, trouxe ela pra casa.
Em casa ela comeu bananinha às 15:30 e tomou sopa, às 17:30. À noite, só peito. Dormiu tarde porque tivemos consulta ontem, às 19:30, mas fomos atendidos já eram quase 21 horas. Chegamos em casa, ela tomou banho, peito e capotou.

Abre parênteses para falar da consulta...

   Marina está ótima, pesando 6.250 gramas e com 63 cm.
   Está normal para a idade dela! Nota 10 da pedi.
   A pedi orientou sobre repelente e bloqueador solar para ela usar após completar 6 meses. Falou sobre as roupas UVLine que protegem o bebê. Adorei a dica.
   Também vamos para a segunda fase das papinhas, introduzindo mais alimentos na sopa e mais variedade de sucos e mix de frutas. Ela já pode chupar a carninha de churrasco (o meio do churrasco, que contém pouco sal) e ainda comer outras frutinhas, vegetais e legumes.
   Falou de um gel chamado Nenê Dent para passar quando sentir que os dentinhos estão começando a despontar, pois ele anestesia e acalma o baby.
   Tudo certo com a princesa Nina.
... fecha parênteses.

Hoje foi o segundo dia de ficar meio turno. Chegamos às 8:25 e ela toda feliz já reconheceu a profe Rô, o ambiente, os pequenos que lá estavam. Minha linda já está ambientada!
Ela comeu mamão com banana no lanche da manhã e sopinha ao meio dia. Fui dar mamá as 13 horas, mas já não deu certo pois na hora de almoçar, as 10:30, ela queis dormir. Almoçou a sopa às 12 horas e, claro, as 13 horas ela não tinha fome.
Resumo da tarde: mamão as 15:30 e sopa as 18 horas, sem mamada.
Esse é meu medo: ela ficar sem a mamada do meio dia, depois que eu voltar a trabalhar. E aí, o que faço? O que ela come?
Hoje falei com a nutri da escola sobre o cardápio dela e falei também desse meu medo e disse que talvez eu comece a dar mamadeira nessse horário, deixando o peito só para quando estamos em casa (noite, madrugada e manhã). Mas isso só depois dos 6 meses. Ela disse para eu fazer como achar melhor.
Adorei conversar com uma nutricionista, pois percebi que ela e a pedi estão sintonizadas. Ela concordou com todas as iniciações da pediatra. Isso é ótimo. Sinal de que estamos no caminho certo.

Amanhã, último dia da adaptação, ela ficará o dia todo.
Vou aparecer por lá as 13 horas para dar o mamá. Já pedi para as profes colocarem ela dormir antes do almoço, pois aí, as 10:30 ela não terá sono, comerá e as 13 eu conseguirei dar o peito.
Ainda temos outro emprecilho para o mamá das 13 horas: o local da amamentação. É no meio do berçário. Um tumulto, barulho, conversas... e a Marina se dispersa por qualquer coisa (a pediatra disse que todos os bebês são assim nessa idade e realmente eu percebi que sim. Os outros bebês tomam mamadeira, mas qualquer coisa diferente, eles param, olham, são curiosos! Normal, né?)... e acaba não mamando direito. Mais um motivo para inserir a mamadeira nesse horário.
Veremos!
Beijos!

terça-feira, 18 de dezembro de 2012

adaptação na escola - 1º e 2º dias


Ontem iniciamos a adaptação da Marina e minha também no berçário da escolinha.
No primeiro dia ela ficou uma hora no berçário. Chegamos as 9:30 e saímos às 10:30. Nina fez o reconhecimento do terreno, foi no colo da profe Rô, conheceu os coleguinhas Pedro, Joana, Giovana e Mariana, brincou na cadeirinha e no tapetinho de atividades, tomou água, trocou fralda e não chorou. Passei o tempo todo junto com ela, dentro do berçário. Uma fofura lá... a Nina é a mais nova.
Hoje, segundo dia, fomos mais cedo para pegar a hora do lanche e ver como a Marina se sairia. Eu não fiquei no berçário. Fiquei aguardando na recepção.
Chegamos às 8:15 da manhã. Deixei ela com a profe Cintia e saí. Logo ouvi um chororô e voltei na sala para espiar e ver se era ela. Minha princesa estava quietinha, no colo da profe, brincando com os outros bebês. Coisa mais linda! Às 8:30 serviram o lanche (fruta).  E claro que eu tive que espiar novamente. Cheguei lá e ela estava comportadíssima, batendo as perninhas e mãozinhas, pedindo mais mamão. Já tinha comido quase tudo. Fiquei aliviada!
Voltei para a recepção e descobri que tinha um monitor com câmeras e que dava para ver o berçário. Procurei a Nina e onde ela estava? Deitada no berço, dormindo. E de bruços, coisa que ela nunca fez e não faz ainda em casa. Dormiu das 10 às 10:45. Então ela acordou e a profe trocou a fralda, arrumou as coisinhas dela, anotou o "dia" dela na agenda e viemos pra casa pra ela almoçar.
Em casa ela almoçou super bem.
Amanhã vamos cedo novamente e ela vai pegar o lanche, o almoço e, se der, ficará até a mamada das 13 horas, para já irmos simulando como será quando iniciarmos pra valer.
Até aqui, está tudo super tranquilo.
Que dá uma dó de deixá-la lá, isso dá. Mas não tem outra alternativa. E sei que ela está sendo super bem cuidada.
Ainda não chorei. Estou firme que nem rocha. Não senti vontade. Na verdade, senti vontade de chorar de alegria quando a vi comendo mamão, tão linda e comportada, toda feliz. mas me segurei.
A partir de amanhã, ela ficará lá sozinha. Não fico na escola. Só volto para buscá-la. Amanhã será diferente.
Depois volto para contar!
Beijos!

segunda-feira, 17 de dezembro de 2012

viajando com Marina

Esse final de semana que passou fomos para a praia. Um sol maravilhoso, pouco vento e muito calor!
Arrumamos as tralhas e rumamos para o litoral gaúcho.
Até a água do mar estava azulzinha, coisa rara por aqui. Geralmente o mar é marrom, carinhosamente apelidado de "chocolatão".
Gente, o que é a mudança que tem que levar quando se tem um bebê! E quando o bebê come papinha, parece que a coisa fica gigante.
Bom, eu optei por levar tudo de casa: as frutinhas e a sopa. Além dos potinhos, cumbuquinhas, colher, garfo...
Então, levamos para a Marina: o trambolho do carrinho; duas malas, uma com as roupinhas e cobertas e outra com as fraldas, pomada, farmacinha, trocador portátil, etc.; piscina inflável; potes para as papinhas; banana, mamão e manga; sopa; talheres; babadores.
Para nós, levamos uma sacola com duas mudas de roupa cada e enfiamos num cantinho que sobrou. E só!
O cachorro foi na caixa de transporte.
T-U-D-O isso no porta malas. Ainda bem que é gigante e cabe bastante coisa!
Marina estava um pouco agitada nesses últimos dias. Aprendeu a gritar e até que as pilhas não terminem, ela não para. E ela escolheu o final do dia para mostrar seus dons artísticos. Canta que é uma beleza. Parece ópera... A vizinhança inteira ouve.
Por conta disso, não mamou direito e meus peitos quase explodiram de cheios e de dor! A amamentação, aliás, continua aquela função de sempre: mama quando quer, se quer... briga com os peitos, e por aí vai. (isso merece um post de reflexão!)
Às vezes dá vontade de desistir de viajar quando eu penso em tudo que precisa arrumar (e depois, desarrumar). Mas não dá pra pensar assim, senão não saímos mais de casa.
E essa semana é de novidades: início da adaptação na escolinha. Mas também é assunto para outro post, após evoluirmos no assunto. Volto com notícias!
Papai e eu na praia

Beijos e ótima semana!


quinta-feira, 13 de dezembro de 2012

cabelão

E não é que mamãe resolveu arrumar meu cabelo com gel?!
Olhem só como ficou meu (grande) cabelo punk!!!
Irado, né?!
cabelo punk e cara de sapeca!

mais um selo

E a nossa amiga Cacau nos presenteou com um selinho lindo!
Obrigada querida, adoramos!

E oferecemos esse selo a todas as mamães de menina que por aqui passam e comentam!
Beijos!

segunda-feira, 10 de dezembro de 2012

5 meses de Marina - nova rotina

Hoje Marina completa 5 meses de vida!
Foram os 5 meses mais cheios de novidades, incertezas, alegrias, dúvidas, culpa, medos e muuuito amor!
Posso dizer que Marina já fala, conversa, grita e HOJE ela pegou no seu pezinho pela primeira vez. É uma grande novidade, um avanço... descobriu os pés!
Achei meus pezinhos!!!!

Posso dizer também que conseguimos ter uma rotina que repoduz a rotina que ela terá na escola. Depois de mais de 15 dias em casa, preparando papinhas, dando (ou tentando dar) nos horários programados, chegamos perto da realidade.
Não foi nada fácil... hoje são duas semanas de tentativas e aprendizado. E agora que deu certo. Tem que ter muita paciência.
Pessoas não são máquinas programadas para horários... muito menos bebês. Mas conseguimos!

Marina aprovou a banana, a maçã, o mamão, a sopinha de chuchu com cenoura e chuchu com moranga. Ela já sabe mastigar e engolir. Têm dias que ela está com mais fome, outros menos... mas sempre come.
O cocô mudou. Está mais pastoso e ela faz de duas a quatro vezes ao dia. O mamão ajuda mais. A banana, menos.
Marina está com uma cor bonita. Deve ser o betacaroteno do mamão, da cenoura e da moranga... parece que pegou um bronzeadinho de leve. Dá pra perceber que ela vai ser boa pra pegar cor. Nisso, puxou à mamãe.
Ainda briga com os peitos para tomar mamá. Precisa estar bem calminha. Se fizer um soninho antes, melhor. Outra coisa que percebi foi que depois que começamos a introduzir os alimentos, ela está mamando mais em quantidade.
A rotina ficou assim:
  • 4 horas: leite materno
  • 7 horas: leite materno
  • 9 horas: fruta
  • 11 horas: sopa
  • 13 horas: leite materno
  • 15 horas: fruta
  • 17 horas: sopa
  • 20 horas: leite materno
  • 22 horas (se estiver acordada): leite materno
Das 9 às 20 horas ela tira umas sonequinhas de 20 minutos entre os horários. Geralmente antes da próxima refeição. Mas isso não é regra. Se ela dorme, come (ou mama) melhor.
Se não dorme, é aquela briga pra tomar o LM... e aí, meus peitos enchem, parecem que vão estourar. Hoje estão assim. Dia quente, abafado, ela está brava, não dormiu praticamente o dia todo. Tomou muito suco de laranja pra hidratar, tomou sopa e comeu frutas. Mas não quer saber de LM... tomou o das 13 horas porque dormiu antes. E agora só vai querer na hora de dormir. Terei que tirar. É uma função.
Ela também engordou depois que começou com as papinhas. Acho que, na próxima consulta na pedi, vai ultrapassar os 400 gramas que ela engorda mensalmente. Nota-se que as coxas estão mais gordinhas e que ela cresceu. Nossa, quase 6 meses, quase meio ano de vida. Passou rápido. Passa muito rápido!

Semana que vem iniciamos a adaptação na escola. Será uma semana de adaptação. Volto pra contar como será o cronograma e depois, como foi.
Dia 26 ela inicia em turno integral e mamãe aqui retorna ao trabalho.
Assunto para outro post!
Beijos!

quarta-feira, 5 de dezembro de 2012

rapidinhas

Preciso registrar algumas coisas aqui, que estão acontecendo e que poderão se perder. Registros preciosos para a evolução de um bebê!
Marina está com quase 5 meses e olhem só o que ela anda aprontando:
  • quase senta sozinha;
  • descobriu que pode gritar, mas gritar muuuito e bem alto pra todo o condomínio ouvir. Quando ela cansa de gritar, começa o chororô;
  • engrenou na comida. Adora a sopinha de massa, chuchu e moranga... come cada colheradão de dar inveja! gosta de quase todas as frutinhas que ofereci (mamão, banana e maçã). Só não gostou da pêra, mas eu camuflo na banana;
  • vive com a mão esquerda toda dentro da boca. Gosta de colocar o dedo polegar direito na boca também;
  • começou a fazer força pra fazer cocô... é engraçado vê-la vermelha e fazendo força;
  • aprendeu a cuspir a baba, a sopa, as frutas, o suco... tudo que tiver na boca e ela não tiver a fim de engolir... o mais divertido é quando ela quer cuspir a sopa... é massa pra tudo que é lado, uma sujeira só;
  • adora conversar. Suas vogais preferidas são "a" e "u"... e a palavra "abruuuuuu" (que é quando ela cospe!);
  • está indo dormir entre 8 e 9 horas da noite. Muito cedo... mas, em compensação, acorda entre 8 e 9 horas da manhã;
  • estamos conseguindo reproduzir os horários da escolinha. Estou tão feliz e aliviada com isso. Foram 10 dias insistindo nos horários e conseguimos criar uma rotina. Nada como a calma e a paciência. Vou escrever um post só falando sobre a "nova rotina';
  • aprendeu a gargalhar e  muito. E sabem o que a faz gargalhar? A minha gargalhada. Ela adora me ver gargalhar e ri junto. O que será que ela pensa? "Essa doida aí!";
  • está mais dengosa. Chora e tosse pra chamar a atenção. Primeiro ela tosse. Se ninguém aparece, ela chora. Posso com isso? rsrsrs
E é isso! News da Marina pra vocês!
Beijos!

segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

babação

Marina precisa de babadores. Muitos!
São 4 refeições diárias e, no mínimo 3 babadores (ou babeiros). Quando é banana, nem precisa de babador. Ela gosta tanto, que não volta nadinha.... Danadinha da minha macaquinha!
Mas o que tá pegando mesmo é a babação.... A blusa dela está sempre molhada. Então, o babador praticamente incorporou no look da moça. Não dá pra ficar sem!
É um tal de "abrrruuuuuuuuuuuuu" o tempo todo. O rosto todo fica molhado. E quando ela resolve colocar as maozinhas dentro da boca, então... vira uma coisa de doido!
Eu, que não gostava de ver os bebês de babador o tempo todo e não entendia o motivo, agora sei que é preciso... imaginem na fase dos dentinhos... #zizuisamado!

domingo, 2 de dezembro de 2012

mais selinhos

Recebemos mais dois selinhos das amigas Fabi e Ana. Na verdade foram 3 selinhos, mas um deles é repetido.
amamos ser lembradas, meninas! Obrigada, thanks, merci, gracias, gracie, arigatô...

Aí vão eles:

*PS: não vou repassar porque, pelo que vi, a maioria já tem esses selinhos! Então, quem ainda não tiver, pode pegá-los e publicar nos seus blogs!!! Marina e eu repassamos...

sexta-feira, 30 de novembro de 2012

5 dias de papinhas

Como estamos nesses  5 dias de frutinhas, sopas, sucos e leite materno?
Posso dizer que instaurou-se o caos aqui em casa no início... Não havia mais rotina. Marina acorda mais cedo a cada dia. Ou não!
Quando ela só tomava LM, acordava às 11 da manhã. Agora, ela acorda às 8 e não quer saber de mamar... e as peitcholas cheias, estourando... Às vezes chego a pegá-la no berço, dormindo e coloco-a no peito.... aí ela toma. Mas se acordar, nada feito.
Então, está mais ou menos assim:
Ela acorda lá pelas 4, 5 da madrugada e toma LM. Depois, acorda lá pelas 7, 8 horas e às vezes toma, às vezes não quer saber de LM. Troco a fralda e a levo para a minha cama. Lá, brinco com ela um pouco e ela dorme mais uma hora, aproximadamente.
Entre 9 e 9:30, ela acorda e aí levantamos... ela sem fome ainda. Tento dar uma fruta amassada. Ela come um pouco (se for banana, ela come tudo... rsrsrsrs... minha macaquinha linda!).
Entre 11:30 e 12 horas eu dou a sopa. No primeiro dia foi um horror. Ela chorou e não quis saber. Parecia que estavam matando! No segundo dia ela comeu um pouco (massa, chuchu e cenoura)... no terceiro dia, a mesma coisa. No quarto dia eu troquei a cenoura por moranga. Sucesso total. Amou! Agora estamos nos acertando. E ela toma suco também. O preferido é de maçã! Mas toma de pêra e laranja.
À tarde o bicho pega. Ela tem que tomar LM e aí, só mesmo quando ela tiver vontade... lá pelas 14, 15 horas... e ela precisa ter feito um soninho antes e estar bem calminha, porque ela começa a sugar o peito e demora um pouco pra descer. Se ela estiver nervosa (vejam só o tipo de menininha! Personalidade forte!), já se irrita e larga tudo. Por isso, se ela dormiu e está calminha a coisa flui... Aí ela toma um mamazão.
Aí, lá pelas 17, 18 horas é a última refeição (ou sopa ou fruta, escolho uma das duas). Depois é só LM e no mesmo esquema da tarde: tem que estar calminha, descansada... deveria ter aí mais uma refeição, mas como ela não toma o LM as 13 horas, não dá pra entupir o bebê de comida.
Paciência, nem tudo funciona como a gente planeja quando se trata de bebê. E ela não deve ter tanta fome assim, senão ela iria chorar. E ela não me parece estar passando fome... ao contrário... as bochechas, a barriga e as coxas estão cada vez mais fofas!
Às 22 horas ela dorme de barriga cheia.
Tá, isso é uma rotina, mas considerando que estamos assim há um ou dois dias, não dá pra saber se vai continuar. Eu queria muito que continuasse, pois fico mais tranquila com relação à escolinha.
Como esse negócio da amamentação tá assim, um caos (só mama quando quer!), vou alugar uma máquinha de tirar leite elétrica e se eu for na escola ao meio dia, e ela não quiser mamar, tiro o leite e deixo pra ela tomar quando ela tiver vontade. Dói muito ficar com os peitos cheios... Não consigo nem mexer os braços, me movimentar. É muito desconfortável...
Confesso que não é fácil introduzir os alimentos. Achei mais difícil do que iniciar a amamentação, porque nesse quesito não tive dificuldades. Tem que ter muuuita paciência.
Ah, e tem mais! Nina Tequila Gatíssima só come papinha salgada se eu cantar o tempo todo... haja voz... marcha soldado, cabeça de papel (a preferida)... a galinha pintadinha, e o galo carijó... o cravo brigou com a rosa... e por aí vai... o repertório tem que ser variado, sabe cumé... enjoa a moça! rsrsrsrs E de todas as papinhas, a que ela prefere é a banana.
Gente, que viagem louca essa... Mas estamos nos acertando... chegaremos lá. E quando chegarmos, novidades irão aparecer pra tremer com as nossas estruturas e vamos sofrer, chorar, rir, suspirar... termina um ciclo e começa outro!
Assim é a vida! E assim é a maternidade!
Um beijão!

terça-feira, 27 de novembro de 2012

Natal Luz de Gramado

No último domingo fomos passear em Gramado. Moramos do lado dessa linda cidade e nunca fomos conhecer o Natal Luz. Daqui de Porto Alegre são 130 quilômetros... um pulinho.
Fomos pela BR 116, pela Rota Romântica. A paisagem é muito linda, cheia de plátanos costeando a estrada... bem romântica mesmo. Cheia de cidadezinhas pitorescas e bem arrumadinhas, de colonização alemã.
Passamos por Nova Petrópolis. Linda cidade. Recomendo conhecer. E para quem vai a Gramado e quiser ficar hospedado em Nova Petrópolis, é uma alternativa, já que fica a 30 quilômetros de distância, além de ser mais em conta. Têm ótimas pousadas e hotéis. (Tati, essa dica é pra ti!)
Depois de New Pet (Nova Petrópolis), já estávamos em Gramado. A cidade estava L-O-T-A-D-A. Nossa, há um mês do Natal e estava cheia. Era turista de tudo que era canto do país, pelos sotaques...
Queríamos ver o acendimento das luzes, as 21 horas. Mas... estava muito frio lá. Um ventinho gelado. E como a Nina esteve meio resfriada, resolvemos voltar antes. Demos uma volta pela cidade, paramos para comer num restaurante, demos outra volta e voltamos pra casa.
Felizmente levei um agasalho pra Nina e ela não passou frio. Levei uma jaqueta para mim e passei um pouco só de frio. Mas o marido foi só de camiseta, bermuda e chinelo. Nem preciso dizer que tremeu as estruturas...
Outra dica: Nunca vá a Gramado sem agasalhos. Mesmo no verão de 40º, lá sempre é friozinho, principalmente pela manhã e à noite.
A cidade é muito linda e charmosa. Toda bonita. todo mundo respeita as faixas de segurança e lá quem manda é o pedestre.
É uma cidade muito cara também, por isso, prepare o bolso se for pra lá!
A decoração está linda. Embora não tenhamos visto o acendimento, durante o dia está tudo bem decorado e lindo!
Deixaremos pra ir no ano que vem, quando a Nina estiver maiorzinha. Ela vai ficar louca com tanta luzinha e enfeite. As crianças adoram.
Ah, e público tem de todos os tipos, desde bebezinhos até a terceira idade... todo mundo passeando por lá. Gente bonita, estilosa, cheia de cacecol, gorro e botas... hehehehehe
Parece outro país! Vale a pena conhecer!
Segue um videozinho da Ninoca passeando:

video

Aí vão algumas fotinhos do passeio...















domingo, 25 de novembro de 2012

as receitinhas

Como comentei no post anterior, Marina já iniciou nas frutinhas.
Então, todos os dias, às 11 e às 17 horas (mais ou menos nesses horários) eu estou dando as futas. Logo esses horários serão das sopinhas, como mostrei no cardápio, e as frutas ficarão para mais cedo.
Comentei também que a Marina não gosta muito da maçã. Ontem, na consulta com a pediatra (sim, ela está ótima com 5.700 gramas e 62 cm, ganhou nota 10!), ela me ensinou a raspar um pouco de maçã e misturar com a banana (que ela ama!). Deu certo. A danada comeu tudinho: uma banana prata inteira e meia maçã importada raspada. Pela manhã e à tarde. Fez a festa.
Para preparar essa papinha, raspo meia maçã e amasso uma banana prata... misturo bem misturadinho e dou para ela comer.
A medida do mamão é metade. Raspo com uma colher, amasso um pouco e ofereço.
Se for só banana, é só amassar.
Por enquanto, além dessas frutas, posso oferecer pêra. Mas, pelo visto, vai acontecer a mesma coisa que aconteceu com a maçã: rejeição... aí vou ter que misturar com a banana também.


A primeira sopinha que a Marina vai comer se chama ABC. A=Arroz, B=Batata, C=Cenoura.
Posso substituir arroz por massinha, batata por chuchu e cenoura por moranga. Confesso que prefiro massa, chuchu e moranga, mas vou variar, claro. Só não dá pra misturar arroz com massa, batata com chucu e cenoura com moranga. ou um ou outro!
Modo de fazer a sopa:
Ferver um pedaço de carne (frango ou gado) na água. Após a fervura, retirar a carne. Então, colocar os legumes para cozinhar e após, a massa ou arroz. Temperar com uma pitadinha de sal.
Após tudo cozido, esmagar com um garfo e esfriar. Oferecer ao bebê.

Hummmmm, até eu vou comer essa sopinha... rsrsrsrsrs

sexta-feira, 23 de novembro de 2012

novidades na vidinha da Nina

Queria amamentar exclusivamente por mais tempo.
Além dos 4 meses da licença, consegui mais 15 dias de atestado para amamentar exclusivamente... meu objetivo eram 6 meses... Mas ficarão nos 4 meses e meio mesmo!
A empresa onde trabalho dá 4 meses de licença (120 dias). Ainda consegui emendar férias, mas como a Marina vai pra escolinha, já tive que começar com as frutinhas. E logo vem a sopinha.
Esse período de adaptação com a comida é necessário pois ela não pode entrar na escola sem estar com a alimentação devidamente iniciada e aprovada.
Fico triste por não ter leite para estocar e deixar com ela... Se eu ficasse mais tempo em casa, conseguiria amamentar mais!

Assim, frutas e legumes farão parte mais cedo do cardápio da nossa pequena.
Por enquanto, apresentamos a ela: maçã, mamão e banana. E a preferida é a banana... come muito bem uma banana inteira! Depois, na ordem de preferência, vem o mamão. A maçã ainda não foi bem aceita! Já até cozinhei para ver se ela iria gostar mais... que nada... cospe tudo... ela gostou do suquinho da fervura da maçã... tomou tudo.
Falando em suco, também ofereci suco de laranja do céu. Ela gostou...

A pedi montou um cardápio assim:
07:00 - leite materno
09:00 - fruta
11:00 - sopa + suco
13:00 - leite materno
15:00 - fruta
17:00 - sopa + suco
19:00 até as 07:00 - leite materno

Essa será a rotina da Marina na escolinha.
Por enquanto ela está comendo fruta somente, as 11 e as 17 horas. A partir da próxima semana vou inserir a sopa e aí vamos seguir o cardápio.

O cocô dela mudou, claro! Está bem pastoso. E ela está fazendo de 3 a 4 vezes ao dia, sempre entre 11 e 20 horas. Fora desse intervalo, ela não faz cocô.

Além disso tudo, a pediatra pediu para oferecer água. Não precisa ser muita, algumas colheradinhas ao dia... ela não gosta, mas toma... O suco também é mais aceitável tomando de colher. Ela não gosta muito da mamadeira. A não ser que tenha algo dentro que ela goste muito, como LM ou o tal suco da fervura da maçã, que ela amou! A mamadeira é a NUK número 1, receitada pela médica.

E agora uma foto da primeira papinha de banana:

banana, menina, é vitamina... banana engorda e faz crescer!



quarta-feira, 21 de novembro de 2012

book Marina - 4 meses

Marina, morena...

Marina, você se pintou!

Marina, você faça tudo, mas faça um favor...

Não pinte esse rosto que eu gosto...

Que eu gosto que é só meu!

Marina, você já é bonita...

Com o que Deus lhe deu!!!

terça-feira, 20 de novembro de 2012

o primeiro resfriado

Sim, sim! Marina está resfriadinha!
Papai pegou um gripão e está passando pra todo mundo, né pappy!?
Enfim, que nossa pequena está, desde ontem, com os olhos lacrimejando, o narizinho escorrendo e um pouco entupido, mas graças a Deus não teve febre.
Notei que ela estava bem sonolenta ontem. dormiu até as 11:30, o que é fora do nroaml... ela acorda as 10 horas... depois passou quase o dia todo meio amoadinha, caidinha. Então começaram a aparecer os sintomas.
Liguei pra pedatra, e ela já a medicou. Além do xarope expectorante, estou usando rinosoro para limpar bem o nariz dela. Tylenol bebê só em caso de febre, mas ela não vai ter.
Na quinta temos consulta e aí ela vai ver como está a evolução junto com a medicação.
Espero que ela melhore logo. Hoje já a achei bem mais espertinha, está brincando mais, já está falando, conversando e rindo!
Melhora logo, filhota!
Mona cuidando da Nina

segunda-feira, 19 de novembro de 2012

o batizado da Marina

Neste último domingo, dia 18/11, aconteceu o batizado da nossa princesinha. Foi numa igreja católica aqui no bairro, pertinho de casa.
Participaram desse momento tão importante na vidinha de um bebê, os avós paternos, tia e tio paternos, dindo e dindas, além de nós, claro, os pais e a Marina.
No sábado teve uma preparação para o recebimento do sacramento do batismo. Estavam lá todos os quatro batizandos, seus pais e padrinhos. Ficamos umas 2 horas lá conversando com um casal sobre esse sacramento, que é o primeiro a ser recebido na vida de um cristão.
Marina se comportou muito bem, não chorou. Só mamou e dormiu.
No domingo ela também se comportou bem. Nada de choro, parecia até que ela estava prestando atenção na missa. Gostou de ver as pessoas cantando, o padre falando e toda a movimentação. Não chorou na hora de receber a água na cabecinha. Aliás, todas as quatro crianças estavam muito bem comportadas.
Agora, Marina foi iniciada no catolicismo e faz parte da comunidade cristã.
Depois da cerimônia, fizemos um almoço no salão de festas do nosso condomínio. O tempo colaborou e fez um lindo domingo de sol, com temperatura muito agradável.
Seguem algumas fotos...

entrando na igreja

pais e padrinhos

rezando com o padre

com os padrinhos

Ninoca tirando um cochilo

com o papai

com a dinda Ale

com a dinda Cacau

enfim, batizada!

com vovô e vovó

com os titios Lulu e Feneco

com a dinda Ale e dindo chico

com a dinda Cacau

papai, mamãe e Nina

lembrancinha do batizado - amêndoas e tercinho
esperando a festa!

passeando com o tio Feneco